Capital Humano: saiba o que é e por que é a parte mais importante da empresa - Triplos

Detalhe do blog

Home-Gestão de empresas-Capital Humano: saiba o que é e por que é a parte mais importante da empresa
o que é capital humano? triplos tecnologia

Capital Humano: saiba o que é e por que é a parte mais importante da empresa

Compartilhe:

O setor tecnológico tem ganhado cada vez mais espaço dentro das empresas e da indústria num geral. A Indústria 4.0, a Internet das Coisas, a Inteligência Artificial tornaram-se mais comuns a cada dia dentro do mundo dos negócios.

Embora sejam termos muito requintados e, de fato, recursos imprescindíveis para o desenvolvimento de uma empresa, engana-se que eles chegaram para substituir de vez o capital humano.

Mesmo com a tecnologia em crescente constante, a importância do trabalhador não diminuiu. Pelo contrário. Sua importância se equivale proporcionalmente (ou até mais) do que as tecnologias incrementadas na empresa.

É assim que surgiu a importância do capital humano. Através da valorização dos colaboradores, empregados e de todos os contribuintes que se dedicam diariamente para o crescimento da empresa.

Contudo, você sabe o que é? Sabe a real importância do capital humano para a sua empresa? A Triplos Tecnologia te mostra!

O que é capital humano?

Tecnologia é importante? É! Sem dúvidas que a tecnologia integra uma parcela importante do sucesso de uma empresa. Contudo, ela não é tudo. colaboradores, empregados e contribuintes precisam estar alinhados para desenvolver as melhores estratégias.

Equipamentos tecnológicos propõem uma base organizada e eficiente para que o capital humano crie. Percebe-se, portanto, que não basta ter uma infraestrutura super-moderna. Sem bons recursos humanos para extrair o máximo da tecnologia, a estrutura corporativa não vinga.

É por meio disso que o conceito envolvendo capital humano torna-se imprescindível. O capital humano, portanto, pode ser compreendido como o valor extraído a partir de atributos e habilidades dos colaboradores.

Engloba conhecimento, habilidade, postura, técnica, estratégia e execução do trabalho de forma eficiente e concisa. Isso gera valor econômico (capital). Afinal, do que adianta ter a melhor tecnologia se não há alguém tão bom por trás dela para extrair o máximo?

Por que capital humano é algo tão importante na empresa?

O capital humano, vinculado geralmente ao setor dos direitos humanos, está intimamente relacionado ao capital financeiro. Dessa maneira, é fundamental destacar que todo trabalho é diferente quando executado por pessoas diferentes.

Profissionais ou equipes diferentes terão um valor individualizado e próprio, respectivamente. Seus atributos terão relação direta com a capacidade técnica dos integrantes, a formação, a experiência adquirida, e, claro, o incentivo empresarial.

Ou seja, grande parte da qualidade dos profissionais está relacionada à forma que eles são gerenciados. A valorização, o estímulo ao crescimento e o incentivo ao desenvolvimento para que estas pessoas cresçam tanto no profissional como no social.

Vale ressaltar que poucas empresas dedicam parte do investimento no capital humano. No bem-estar do trabalhador, no estímulo, na saúde física e mental de quem colabora diariamente com empresa.

Portanto, para quem quer se destacar no mercado, não basta apenas investir na tecnologia, é preciso também investir em quem está por trás e à frente dela.

Motivos para valorizar o capital humano

  • Desenvolver o funcionário consequentemente promove o desenvolvimento do setor ao qual ele se dedica;
  • Definir funções específicas para as melhores capacidades, para tirar o melhor de cada um;
  • Compreender que entre funcionários, mesmo que dentro de uma equipe democrática, há hierarquia;
  • Oferecer cursos é imprescindível para que o funcionário possa crescer;
  • Incentivar o colaborador com oportunidades de crescer dentro da empresa, ou de assumir novos desafios;
  • Entender quando há erro humano, mas buscar corrigir ao invés de repreender, para o futuro próximo ser de acerto;
  • Seres humanos avaliam objetivamente e subjetivamente uma situação e uma estratégia;

Valorização de dentro para fora na Triplos Tecnologia

O capital humano tem um papel imprescindível no rumo de qualquer negócio atualmente. Se forem bem preparados, os colaboradores são capazes de tirar o máximo das avaliações estabelecidas pelo setor de tecnologia.

É por meio dessa avaliação qualitativa dos dados quantitativos que estratégias e ações são esquematizadas. Essa capacidade de entender o subjetivo, e assim determinar o melhor caminho da empresa, somente o capital humano é capaz.

Portanto, além de valorizados, os funcionários e colaboradores precisam de estímulo e desenvolvimento. Assim, tornam-se mecanismos fundamentais para auxiliar no crescimento da empresa.

Gostou do artigo? Deixe um comentário!

Veja nosso artigo sobre Gestão Empresarial 

Compartilhe:

Deixe o seu Comentário